Home > Artigos > Quadrinhos > 20th Century Boys

Você já deve ter ouvido falar do efeito borboleta ou não ouviu? Esse termo é usado quando falamos da interrelação entre cada elemento existente na natureza. Diz a teoria que um bater de asas de uma borboleta pode causar um tufão do outro lado da Terra. Será que é disso que trata 20th Century Boys?

Antes de mais nada, acho interessante contar o contexto da obra para entender o que o autor pode estar dizendo em sua mensagem..

O AUTOR E O CONTEXTO

Arte de Naoki Urasawa

Naoki Urasawa é, sem dúvidas, uma referência na criação de histórias de suspense. Alguém que sabe como conduzir uma narrativa, sempre criando novas reviravoltas e mudanças de direção. Em Monster ou em Pluto ele faz o mesmo e sabe dar credibilidade para as suas histórias, mesmo as de ficção científica.

Além da qualidade narrativa, Urasawa sempre introduz assuntos contemporâneos. Em 20th Century Boys é possível perceber uma preocupação do autor com a ideia de religião e fé. perceba que a série de mangás começou a ser produzida em 1999, fim de um milênio, e com o ano 2000 por perto uma avalanche de especulações sobre o fim do mundo rodeavam a cabeça das pessoas.

A série teve fim em 2007 e o terrorismos é um ponto muito explorado pelo autor, em um período sensível que viu as torres gêmeas desabarem. Para mim, parece muito nítido do quanto o autor se utiliza desses fatores para construir seu enredo, mesmo que de forma subjetiva e em algumas vezes bem lúdica.

A HISTÓRIA

Arte de Naoki Urasawa

20TH Century Boys trata de um grupo de amigos, que na infância se divertia junto. e se separara pelas circunstâncias da vida. Esses companheiros de muitos anos de repente se veem envolvidos em atos terroristas em escala global.

Ao mesmo tempo, uma seita liderada por um homem que se intitula “O Amigo” passa a se infiltrar nas mais diversas áreas do governo manipulando a sociedade, levando a crer que esse grupo de antigos amigos de infância são os autores dos crimes.

Vale ressaltar que esse “Amigo” parece conhecer Kenji, Otcho, Fukubei, Yoshitsune, Yukiji, Maruo, Keroyon – que tinham uma forte ligação durante o período escolar – e esse é o maior mistério da trama: quem é o “Amigo”?

EFEITO BORBOLETA

Arte de Naoki Urasawa

Durante toda a história essa teoria me veio à cabeça. Isso pelo fato de que pequenas atitudes podem ter desdobramentos grandiosos no futuro. A própria carreira de Kenji, que sonhava em ser um astro do Rock e acabou adminstrando uma loja de conveniência, com sua sobrinha pequena para cuidar (abandonada pela sua irmã em circunstâncias misteriosas) e uma mãe que reclama de tudo.

Não quero, aqui, deixar passar nenhum spoiler da trama, mas me parece que a intenção de Naoki, em toda a história, é um recado para sermos cautelosos com cada ato, por menor que possa parecer, para que no futuro isso não se volte contra você.

Recomendo a leitura dessa série por alguns motivos, o primeiro deles, por se tratar de uma aula de roteiro e narrativa. O segundo é a arte de Urasawa que é sempre muito detalhada, de quem sabe como ambientar uma cena. Outro motivo é a genialidade, pois cada detalhe é colocado cuidadosamente na trama, a começar pelo título da série que mais adiante desvenda a sua razão de ser. Por último, acho importante você não cometer o erro de não ler, sob a pena de estar cometendo um equívoco que parece inocente, mas não é.

FICHA TÉCNICA

20th Century Boys
Autor: Naoki Urasawa
Período de Publicação: 1999 – 2007
Editora Original: Shogakukan Comics
Publicado no Brasil: Panini
Volumes: 24 números (20th e 21th century boys)
Adaptações: 3 live actions (trailer abaixo)

You may also like
GEN – PÉS DESCALÇOS

2 Responses

  1. F.B. Santos

    Cara, me pareceu muito bom essa história, e o nome “meninos do século XX” funciona muito bem dentro do contexto da história como você disse.
    Parabéns, belo texto, me deixou com vontade de ler e quem sabe assistir os filmes também.

Deixe uma resposta